0

Sociedade Precoce – Mídia Perversa?

Existe um tempo normal para cada coisa nessa vida, no mundo animal, vegetal, na vida humana. Ganância material gera a produção de alimentos transgênicos, aves criadas artificialmente para engordar e crescer mais rápido, e vender muito, agrotóxicos nos vegetais, etc. Tudo precoce.

 

 

 

A precocidade anormal manifesta-se biologicamente, por exemplo, com meninas que menstruam mais cedo. Experiências sexuais precoces viraram o habitual e como é irritante quando a mídia focaliza a maioria das atividades até jornalísticas em cima do erotismo!

 

Um conhecido meu comentou numa entrevista em seu programa numa Rede de TV que viu um outdoor com uma propaganda para doação de sangue em que havia uma mulher nua tendo somente sua genitália coberta. Propaganda para doação de sangue com mulher nua!

 

 

 

Apresentou-se uma matéria na TV recentemente mostrando as paixões e romances de crianças na faixa dos 8, 9 e 10 anos de idade enfatizando-se isto como sendo bonito, normal, aceitável, elogiável. Uma maldade imensa fazer isto! Foi uma matéria tendenciosa que favorece a visão torcida do desenvolvimento psicosocial da criança. E foi feita de uma forma irresponsável porque a idéia que ficou no ar é de que tudo aquilo é normalidade. A profissional em Psicologia que fez os comentários técnicos somente tocou de leve na patologia do tema ao dizer que está tudo muito precoce, mas afirmou ser normal o quadro que revela, na verdade, uma antecipação anormal da experiência afetivo-sexual (não genital) em juvenis. Não é nem só lamentável, é aborrecível, irritável, maléfico, perverso este tipo de enfoque criminoso.

 

 

 

É normal sim um certo interesse e brincadeiras de ?namoro? entre pré-adolescentes. Mas não com a ênfase e intensidade com que foi mostrado na matéria jornalística. Pelo fato de haver hoje em dia um bom número de crianças na fase da pré-adolescência revelando sintomas de precocidade sexual e ? vamos usar este nome ? precocidade romântica, isto em absoluto significa ser normal. Uma pessoa ?madura? antes do tempo não é saudável no sentido de que ela ?queimou? etapas normais do seu desenvolvimento emocional. Alguma coisa fica prejudicada.

 

 

 

Para manter esta ?maturidade? precoce o indivíduo tem que fazer um esforço enorme em seu psiquismo. E há um preço para isto. Não é possível queimarmos etapas de nosso desenvolvimento como personalidade sem algum distúrbio posterior. Crianças pré-adolescentes precisam viver como crianças pré-adolescentes e não serem exigidas por outros (modelos da mídia, familiares ou não) e por elas mesmas a desempenharem um papel adulto quanto à afetividade e sexualidade.

 

 

 

Em algum momento do ciclo vital delas as etapas ?queimadas? poderão produzir sintomas, que podem ser depressivos, de angústia insuportável levando à dependência química e alcoolismo, suicídio, separações conjugais repetitivas, transtornos sexuais variados, violência social, dependência, materialismo, etc.

 

 

 

Causa raiva e revolta ver emissoras de tanta influência na sociedade produzindo matérias perversas, mentirosas, com um ar de cientificidade, destruindo conceitos saudáveis de relacionamento e equilíbrio emocional.

 

 

 

Há saída? Sim, com muito esforço, sabedoria, decisão de não sucumbir na escória social. Temos que fazer uma firme seleção do que iremos assistir, ler, ouvir, falar, evitando tudo aquilo que produza maus pensamentos e sentimentos destrutivos. Ou, no caso das precocidades, evitar pensamentos, sentimentos e condutas que podem ser normais em si mesmos, porém fora do momento no desenvolvimento normal da pessoa. Os adultos cuidadores dessas crianças são os responsáveis diretos por esta seleção. Se eles se deixarem contaminar pela perversidade emocional, como poderão colocar limites saudáveis? Então, a prevenção deve começar pelos adultos que cuidam destas crianças, selecionando o que é saudável para elas e exigindo delas obediência e lhes dando afeto.

PortalNatural.com.br

Autor: PortalNatural.com.br

Portal de saúde e bem-estar com artigos, videos, receitas, nutrição, saúde mental, etc, para sua vida ser mais saudável, simples e feliz.

Artigos Relacionados:

Receba grátis nossas novidades!

Compartilhe este artigo!

Deixe Seu Comentário

Digite o código acima*


HOME | QUEM SOMOS | CONTATO



parceiroIASDO Portal Natural é um ministério de apoio à Igreja Adventista do Sétimo Dia
Parceria:


Copyright © 2002-2015 PortalNatural. Todos os direitos reservados.

Importante: As informações contidas neste site são destinadas unicamente para fins de informações e conhecimento geral, não devendo, em hipótese alguma, ser utilizadas como diagnóstico médico ou adoção de medicamentos. Qualquer dúvida, sintoma ou preocupação quanto à sua saúde, procure orientação médica ou profissional em sua respectiva área. | Os comentários postados nos artigos não constituem necessariamente a opinião dos criadores deste site, mas sim da própria pessoa que o postou. Não são permitidos comentários com citações de nomes, telefones, emails, sites, ou qualquer outro conteúdo que venha a expor ou difamar a imagem ou o sigilo de uma outra pessoa.